“Eles só queriam se apaixonar”, de Marcelo Serrado, estreia no Imperator

“Acho que agora sou um autor. Desta vez quero falar com o público jovem, através do humor.”, brinca Marcelo Serrado sobre sua segunda experiência como dramaturgo. “Eles só queriam de apaixonar” estreia dia 19 de agosto no Centro Cultural João Nogueira, para uma curtíssima temporada popular de 2 semanas e com ingressos a partir de R$20,00 reais. Nos dias 12, 13 e 14 haverá ensaios abertos com ingressos a partir de R$ 5,00 reais. O projeto “Eles Só Queriam Se Apaixonar” é patrocinado pela Secretaria Municipal de Cultura, pela Multiterminais Operações Portuárias, por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura/Lei do ISS, mecanismo da Prefeitura do Rio que, via renúncia fiscal, estimula o apoio de empresas a projetos culturais. A peça é uma comédia sobre a visão masculina dos relacionamentos e do universo feminino. Os jovens atores, Eduardo Melo, Lucas Cotrim e Rafael Canedo se revezam entre personagens masculinos e femininos. As histórias, contadas com muita despretensão e humor, são costuradas por 9 músicas tocadas e cantadas ao vivo pelo elenco. Com um violão e instrumentos de percussão, o trio passa por um repertório que vai de Chitãozinho e Xororó a Beatles. “Evidências”, “A fórmula do amor”, “O nosso amor a gente inventa” e “Love me do”, estão no setlist.

Na trama, os atores interpretam 3 amigos de infância que se encontram num bar para uma apresentação da banda integrada por eles. Assim rememoram histórias, contam suas experiências pessoais e falam de passado e futuro. “Eles só queriam se apaixonar” é a adaptação para o público jovem feita por Serrado do seu primeiro texto “A história dos amantes”. Trata-se de um espetáculo que perpassa pelos medos, inseguranças e confissões do homem contemporâneo, abordando o tema de forma descontraída e irreverente.

“O processo do texto foi muito rápido. Tenho duas principais referências gringas e a principal é o grupo do inglês Monty Python. O espetáculo é uma grande brincadeira, o verbo brincar é colocado em sua última potência. Nos divertimos muito”, explica Serrado.

A montagem conta com duas participações especiais em formato de locução em off: Françoise Forton, que faz a mãe de um dos amigos, e José Wilker, que gravou em 2013 o prólogo contextualizando a história. São abordados temas como amor, traição, cumplicidade, entre outros. “Eles só queriam se apaixonar” é uma peça dinâmica que traz a proposta de revelar, através do humor, a visão masculina sobre a história das relações amorosas.

“As músicas funcionam como um complemento cênico, uma síntese que pontua bem as intenções e nuances do texto.” Finaliza Juliana Veronezi, diretora musical do espetáculo.

Serviço

Eles só Queriam se Apaixonar

Ensaios Abertos: 12, 13 e 14 de agosto
Ingressos: R$ 10,00 (inteira), R$ 5,00 (meia)

Estreia: 19 de agosto
Ingressos: R$40,00 (inteira), R$ 20,00 (meia)

Imperator- Centro Cultural João Nogueira
Dias da Cruz, 170 – Meier, Rio de Janeiro – RJ, 20720-012
Telefone: (21) 2597-3897
Temporada: Até 28 de agosto
Dias e horários: Sexta e sábado 20h, domingo 19h
Duração: 80 minutos
Classificação indicativa: 16 anos

Ficha técnica
Texto: Marcelo Serrado
Direção: Marcelo Serrado e Danilo Watanabe
Assistente de direção: Bruno Siniscalchi
Elenco: Eduardo Melo, Lucas Cotrim e Rafael Canedo
Direção Musical: Juliana Veronezi
Cenografia: Miguel Pinto Guimarães
Figurinos: Carol Lobato
Iluminação: Paulo Denizot
Direção de produção: Elaine Moreira
Produção executiva: Igor Biond
Produção e assessoria de imprensa: Barata Comunicação

DEIXE UM COMENTÁRIO