Com capa assinada por Elifas Andreato, grupo paulista lança disco de samba

Grupo Reduto apresenta álbum independente que traduz a identidade adquirida em 15 anos de estrada​​

CapaAutor de capas antológicas para discos de Chico Buarque, Elis Regina, Tom Jobim, Martinho da Vila, Paulinho da Viola, Adoniran Barbosa, Clara Nunes, entre outros gênios da música brasileira, o artista plástico Elifas Andreato não teve dúvidas ao aceitar o convite para ilustrar a capa do primeiro trabalho do Grupo Reduto, lançado dia 19 de março. Além da capa, prefacia o disco, que é um verdadeiro culto ao samba. 

Na ativa desde 2001, o Grupo Reduto sempre teve como essência o respeito e a valorização do bom samba. Grupo de renome nas rodas em São Paulo, onde já se apresentou nas principais casas (Bar Brahma, Bar Samba, Vila do Samba etc), o quinteto formado por músicos da zona sul de São Paulo traz no CD seis sambas autorais, duas faixas de compositores paulistas e duas de sambistas cariocas.

A identidade do Reduto é traduzida no clássico “O Samba é Meu Dom”, dos compositores Wilson das Neves e Paulo César Pinheiro, e na malandragem de “Deixa de Marra”, de Luiz Grande, Barbeirinho do Jacarezinho e Marquinhos Diniz, o famoso Trio Calafrio, autor de sucessos de Zeca Pagodinho que estão na boca do povo como “Caviar” e “Dona Esponja”.

Entre os paulistas, um dos destaques da nova geração de compositores, Jônatas Petróleo, com “Pátria que Pariu”, crítica social apresentada no Samba da Vela, e a parceria de Edu Batata e Rodrigo Pirituba em “Se o Bicho Pega”. “Foi uma seleção bem difícil de ser feita, já que nesses anos de estrada conhecemos muitos compositores e muitos sambas que tinham a nossa cara”, explica Tiago Trindade, pandeiro e vocal do Reduto.

O CD tem ainda a escolha certeira da participação do Trio Virgulino na faixa “Vida Melhor” (veja clipe), samba que retrata as agruras e esperanças do migrante nordestino rumo à cidade grande, além do partido “Cai na Gandaia”, ambas assinadas pelo Grupo Reduto.

Streaming e show
O álbum já está disponível nos principais serviços de streaming – Spotify, iTunes, Deezer e GooglePlay.

No último dia 19 o trabalho foi apresentado em um show no CEU Capão Redondo (fotos em anexo) e dia 29 de abril, às 22hs, haverá repeteco no Jongo Reverendo (rua Inacio Pereira da Rocha, 170, Vila Madalena). (Veja evento no Facebook)

Site Grupo Reduto: www.gruporeduto.com.br
Facebook: www.facebook.com/gruporeduto
Setenotas Comunicação Musical: www.setenotas.com

DEIXE UM COMENTÁRIO