Com 1 milhão de visitantes, Museu do Amanhã se consolida como uma das principais atrações turísticas do Rio de Janeiro

foto: Lorena Chapada
foto: Lorena Chapada

Marca histórica foi alcançada neste sábado.

Família ganhou carteirinha do  NOZ – Amigos do Amanhã, que garante diversos benefícios até o fim do ano

Neste sábado, 10 de setembro, o Museu do Amanhã comemorou marca histórica de 1 milhão de visitantes em oito meses de funcionamento. A família deThaylane Domingos (21), de Santa Cruz (Zona Oeste do Rio de Janeiro), foi a sortuda da vez, quando anunciada como a representante do milionésimo acesso à instituição. Ao passar pela bilheteria, a visita do casal Thaylane e Glauber ficou ainda mais especial.

Ricardo Piquet, diretor-presidente do Museu do Amanhã, recebeu e premiou a família com a carteirinha do NOZ – Amigos do Amanhã, que dá acesso a diversos benefícios, incluindo visitas ilimitadas ao museu até o fim do ano. “A gente se sente honrado de ter a oportunidade de participar desse momento. Foi nossa primeira visita ao Museu do Amanhã e achamos maravilhoso. É tudo muito diferente de tudo que já vimos”, comemorou a jovem Thaylane.

“Para nós, é uma alegria receber famílias de todo o país e mundo. Por isso, trabalhamos continuamente para que o Museu do Amanhã seja esse sucesso não só em números, mas de qualidade de conteúdo, que é sempre atualizado. Nesses oito meses, foram inúmeros eventos e debates em prol da construção do Amanhã, nos organizamos para aperfeiçoar a experiência do visitante e ainda buscamos parcerias nacionais e internacionais. Temos muitas novidades até o fim do ano”, revela Ricardo Piquet.

Pesquisa revela que o Museu do Amanhã é ponto turístico
Segundo pesquisa realizada em agosto pela instituição, o Museu do Amanhã se consolida como uma das principais atrações turísticas da cidade – 56% dos visitantes são de fora da cidade do Rio de Janeiro. Dos cariocas que visitam o Museu, 83% são das Zonas Norte e Oeste, números próximos à distribuição geográfica da própria população. O levantamento completo será divulgado nos próximos dias.

Desde a inauguração em 17 de dezembro de 2015, a instituição é sucesso de visitação, com média diária superior a 5.000 pessoas, e se tornou símbolo da revitalização da região portuária e um dos maiores legados das Olimpíadas. O recorde de público foi registrado em julho, quando mais de 170 mil visitantes conheceram o ícone carioca devido ao período de férias na cidade e pré-olímpico.

Amigos do Amanhã
O NOZ – Amigos do Amanhã é um programa de benefícios inspirado em modelos de instituições culturais internacionais que, além de aproximar as pessoas dos temas do Museu, é convite ao público a ser parte da construção do Amanhã. Isso porque o visitante ajuda o Museu a realizar suas atividades se aprofundando nos bastidores, contribui com sugestões, conhece a programação em primeira mão, participa de atividades exclusivas e ainda ajuda a desenvolver novas ações para o programa. Em contrapartida, o Museu do Amanhã dá acesso ilimitado e organiza diversas atividades exclusivas.

“Mais do que um programa de amigos, o NOZ é uma forma de unir todos em prol da cultura do país”, conclui Piquet.

DEIXE UM COMENTÁRIO