Cervejaria Ampolis terá ponto fixo de venda de chope no carnaval

Cervejaria Ampolis - Chope (foto: Divulgação)
Cervejaria Ampolis - Chope (foto: Divulgação)

A cervejaria Ampolis ganhou um point durante o carnaval carioca. Localizado na Rua Vinicius de Moraes, coração de Ipanema, o Bar da Alice é um ponto estratégico para os foliões que vão aproveitar os blocos que passam pelo bairro. Entre os mais conhecidos, Banda de Ipanema, Empolga às 9, Simpatia É Quase Amor e Bafafá. O bar será decorado com itens da cervejaria, como bandeiras, copos personalizados, brindes e camisetas. As chopeiras se espalharão pela calçada em frente ao espaço, servindo Biritis (R$10); Cacildis (R$8); e Ditriguis (R$10), o mais novo rótulo da Ampolis, para os entusiastas do carnaval se refrescarem com chope artesanal a poucos metros do mar.

Serviço: Rua Vinicuis de Moraes, 53 – Ipanema. Tel.: 37383970. De sábado (06/02) a terça-feira (09/02) a partir das 11h.

Cervejaria Ampolis (Divulgação)
Cervejaria Ampolis (Divulgação)

Sobre a Ampolis:
Criada em 2013 em homenagem ao músico, humorista e ator brasileiro Antônio Carlos Bernardes Gomes, mais conhecido como Mussum, a Ampolis é uma cervejaria divertida e com a alma do Rio de Janeiro. Sandro Gomes, filho do comediante, comanda o negócio ao lado dos sócios e amigos de infância Diogo Mello e Leonardo Costa. “Não é somente um projeto comercial. É um presente feito com carinho para toda a minha família. Prezamos muito pela qualidade das nossas cervejas, afinal, é o rosto do meu pai que está estampado na marca”, comenta Sandro. Hoje, a Ampolis possui três rótulos: Biritis, uma Vienna Lager de baixa fermentação, cor alaranjada e aroma de lúpulo moderado. Cacildis, uma Premium Lager leve, dourada e refrescante. E a Ditriguis, uma witbier com raspas de laranja e um inusitado toque de pimenta-da-Jamaica, que traz elegância e dá a ela sabores e aromas únicos, refrescantes e surpreendentes. O nome da cervejaria também tem a influência do modo peculiar de falar de Mussum, que popularizou terminações “is” e “évis”. O humorista chamava as garrafas de cervejas carinhosamente de Ampolis.

DEIXE UM COMENTÁRIO