Casa da Cultura de Paraty promove intervenção cultural durante a FLIP

Exposições, ciclo de debates, oficinas de arte e sarau fazem parte da intervenção “A arte delas”, que homenageia as mulheres

Durante a 14ª Edição da Festa Literária Internacional de Paraty (FLIP), que este ano destaca o papel das mulheres na literatura, a Casa da Cultura apresentará ao público a intervenção “A arte delas”, celebrando a força e presença feminina em diferentes expressões artísticas. A Casa vai abrigar um ciclo de debates, oficinas de arte, sarau, além de exposições relacionadas ao tema, de 30 de junho a 3 de julho.

A programação começa na quinta, 30, com o ciclo de debates promovido por um grupo composto apenas por mulheres, cujo intuito é abordar diferentes aspectos do universo feminino.  “Literatura e feminismo” é o primeiro deles. A jornalista e poeta Jeanne Callegari e a tradutora e escritora Maíra Galvão são as convidadas do bate-papo mediado por Carolina Melchor, membra do Fórum das Mulheres de Paraty. Os encontros acontecem todos os dias, sempre às 10h.

No dia 1 de julho, sexta-feira, acontece a conversa “Mulheres na literatura marginal”. A fotógrafa e poeta Brisa de Souza vai se juntar à professora e pesquisadora Bianca Gonçalves para discutir o tema, sob mediação da assistente social Eloa Silva Moraes. Já no sábado, 2 de julho, é a vez de “Mulheres na produção audiovisual”, com a professora de cinema Maíra Norton e Pauline Batista,mestra em Relações Internacionais pela Universidade de Connecticut (EUA). A jornalista e documentarista Antônia Moura vai conduzir a mesa.

Para encerrar o clico de debates, no domingo (3/7), o Coletivo Mulheres de Pedra e o Fórum das Mulheres de Paraty vão falar sobre “Feminismo e economia solidária”. O bate-papo tem mediação da historiadora Thalita Aguiar.

Ainda como parte da programação, as oficinas de arte serão realizadas à tarde, de 30 de junho a 2 de julho, em horários variados (programação completa abaixo). O público poderá participar também de aulas para criação de zines, colagem e literatura. Os trabalhos realizados no período serão exibidos na Casa no último dia do evento, 3 de julho, às 18h.  Outra atividade, o “Sarau delas”, vai reunir alunos do curso de teatro da Casa da Cultura para declamações de poemas e esquetes. Visitantes também poderão participar se inscrevendo no local. As apresentações acontecem no sábado (2/7), às 21h.

Moradores e turistas da região também poderão visitar as exposições em cartaz no período. No Salão Nobre, a “Ciranda delas” apresenta o papel das mulheres na tradição da ciranda, com curadoria de Patrícia Gibrail. A Sala Samuel Costa abrigará “Xoxota”, da fotógrafa argentina Coral Solari, que dá voz à luta feminina pelo respeito ao corpo e à sexualidade. Além de “Poemas Absorventes”, de Ana Maria Macedo, um olhar inquieto sobre o tabu que envolve o ciclo natural da mulher, seus estados e desejos. Na Sala Dona Geralda, trabalhos de alunos da Escola Livre de Artes estarão expostos na mostra “Nós por nós”. E no Café Cultural, Brisa de Souza apresentará seu mais novo trabalho em “Fôlego”, um manifesto à resistência das mulheres diante de todo tipo de violência, seja verbal, institucional, psicológica ou física.

SOBRE A CASA DA CULTURA
Espaço de atividades artísticas e culturais, a Casa da Cultura, em Paraty, foi pensada para se tornar um ponto de encontro e convívio, com fortes referências para os moradores – um lugar de troca de experiências e ideias, discussão e produção de arte e cultura para a comunidade, professores, alunos, artistas e artesãos e também para visitantes. Com uma programação semanal de apresentações artísticas, audiovisuais e musicais, o espaço também acolhe exposições de grande, médio e pequeno porte.

A Casa da Cultura tem como patrono a Águas do Brasil e conta com o apoio da Fundação Roberto Marinho e da Prefeitura de Paraty, além de ter o patrocínio do Grupo Globo, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

Serviço:

Casa da Cultura
Rua Dona Geralda, 177 – Centro Histórico
Telefone: (24) 3371-2325

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO

A ARTE DELAS 

Exposições

Salão Nobre | Ciranda delas

Curadoria Patrícia Gibrail, conteúdo Thalita Aguiar

 

Sala Samuel Costa | Poemas absorventes

Ana Maria Macedo

 

Sala Samuel Costa | Xoxota

Coral Solari,curadoria Fernando Fernandes

 

Sala Dona Geralda | Nós por nós

Trabalhos dos alunos da Escola Livre de Artes

Curadoria Patrícia Gibrail, conteúdo Thalita Aguiar

 

Café Cultural | Fôlego

Brisa de Sousa, curadoria Fernando Fernandes

 

Quinta |30 de junho

Literatura e feminismo – 10h

Convidadas: Jeanne Callegari e Maíra Galvão

Mediação: Carolina Melchor

 

Sala de artes

Oficina de zine e colagem – 14h às 16h

Oficina de literatura  – 16h às 18h

 

Sexta |1 de julho

Mulheres na literatura marginal – 10h

Convidadas: Bianca Gonçalves e Brisa de Souza

Mediação: Eloa Silva Moraes

 

Sala de artes

Oficina de zine e colagem – 14h às 16h

Oficina de literatura  – 16h às 18h

 

Sábado |2 de julho

Mulheres na produção audiovisual –  10h

Convidadas: Maíra Norton e Pauline Batista

Mediação: Antônia Moura

 

Sala de artes

Oficina de zine – 14h às 16h

Oficina de colagem – 18h às 20h

 

Sarau Delas – 21h

 

Domingo | 3 de julho

Feminismo e economia solidária – 10h

Convidadas: Coletivo Mulheres de Pedra e Fórum das Mulheres da Paraty

Mediação: Thalita Aguiar

 

Apresentação trabalhos das oficinas – 18h

DEIXE UM COMENTÁRIO