Bruna Seve Patkò participa da exposição Repetto Loves Art

LOKALWEAR (Divulgação)
LOKALWEAR (Divulgação)

A designer carioca Bruna Seve Patkò, da marca de acessórios Lokalwear, embarca em mais um novo projeto, a participação na exposição “Repetto Loves Art” – projeto idealizado por Alice Ferraz Comunicação e Relações Públicas – que celebra o 60º aniversário do maior ícone da marca francesa de sapatilhas: a Cendrillon (modelo eternizado por Brigitte Bardot no filme ‘’E Deus Criou a Mulher’’ em 1956).

Para a exposição Bruna customizou um par de sapatilhas utilizando trabalhos manuais como patchwork e bordado. Inspirada no Rio de Janeiro, no trabalho de urbanização do arquiteto Afonso Reidy e no paisagismo de Burle Marx, sua proposta foi olhar o cidade de cima, podendo assim apreciar a riqueza de detalhes do aterro do Flamengo e de Copacabana.
Para realização desse projeto a designer contou com dois grandes parceiros, o Benta Studio, que desenvolveu uma estampa exclusiva com base na inspiração de Bruna, que estampa foi, por fim, descontruída pela designer e ganhou cenas lúdicas do dia a dia da orla carioca, como as ondas, coqueiros e gaivotas.

O outro parceiro foi a ONG carioca “Entre Amigas” – situada no centro do Rio de Janeiro – que tem como objetivo resgatar a autoestima feminina e proporcionar a inserção no mercado de trabalho, capacitando mulheres nas áreas de patchwork, bordado, corte e costura, entre outras especialidades.

O evento de abertura aconteceu na última terça-feira, dia 03 e a visitação segue entre os dias 4 e 18 de Maio. Ao final dessa manifestação artística, as obras serão leiloadas e toda a renda será revertida em prol dos bolsistas do Estúdio de Ballet Cisne Negro.

Nascida e criada no Rio de Janeiro, estudou no Instituto Polimoda de Florença, e F.I.T – Fashion Institute of Technology – em Nova York, onde se formou em Design de Moda e Merchandising Management.

Bruna começou sua carreira na moda trabalhando com Lenny Niemeyer no Brasil. Em Nova York, seguiu carreira trabalhando junto às marcas de luxo Tod’s e Celine até se mudar para Budapeste, seguindo seu coração.

Na Hungria aceitou o desafio de participar do relançamento de uma marca cult de calçados, Tisza Cipõ e do desenvolvimento da então jovem marca de moda Nanushka.

Em janeiro de 2007 decidiu expandir seu conhecimento e aceitou o convite para trabalhar na The Garrison Group, empresa de consultoria estratégica de marketing internacional e logo depois assumiu a diretoria de marketing da Nike na Hungria, onde permaneceu até lançar-se em voo solo com a marca própria em 2010.