Banda Devir é atração na grande final de concurso de bandas promovido pela Globo

As sete finalistas do concurso ‘Vou tocar no Estação Rio’, promovido entre escolas públicas, se apresentam no Circo Voador, dia 2 de agosto, às 17h

O concurso da Globo “Vou tocar no Estação Rio” está em busca de um jovem talento musical entre os alunos das escolas públicas. E para decidir o vencedor – que vai tocar em uma edição do Estação Rio, iniciativa que leva nomes da música brasileira para shows no Rio e no Grande Rio –, apresenta uma final eclética no Circo Voador. Após receber diversas inscrições, a comissão julgadora escolheu sete concorrentes que participarão do encerramento do projeto no dia 2 de agosto, domingo, a partir das 17h. A banda Devir, revelação do programa SuperStar, também estará presente no evento gratuito com seu repertório black music.

As bandas Social Soul (Colégio Estadual Antônio Prado Junior e do Colégio Estadual Affonso Penna) e Nilo Peçanha (Escola Estadual Nilo Peçanha) concorrem defendendo músicas do gênero soul music. Também subirão ao palco da disputa os alunos que representam a música popular brasileira, como o grupo Alexandre Z (Escola Técnica Estadual João Luiz do Nascimento), o sertanejo Fernando Santorini (Escola Estadual Prefeito Luiz Guimarães), a banda de rock Mahruy (Colégio Estadual Professor Vieira Fazenda), os pagodeiros do Vem pro meu Ritmo (Ciep 052 Professora Romanda Gouveia Gonçalves) e ainda o metal do CromatiK (Colégio Estadual Santos Dias). Durante os shows, uma comissão julgadora avaliará as performances dos participantes e escolherá o grande vencedor da noite.

Encerrando as apresentações, a banda Devir vai animar o público com um estilo que mescla ritmos da black music com sons do reggae, soul, blues, jazz, rock e ainda uma pitada de brasilidade. O sexteto, famoso por dar uma nova roupagem a canções já conhecidas, é formado por Amanda Chavez (voz e violão), Davi Damasceno (ukulele e voz), Flavio Raggaman (trombone, escaleta e voz), Théo Carvalho (violão), Fabio Lessa (baixo e baixo ukulele) e Raphael Souza (bateria). No repertório do show, versões de Rude/Não chore mais (Magic!/Gilberto Gil) e All About The Bass (Meghan Trainor), apresentadas pelo grupo no reality SuperStar, além de sucessos de Luiz Gonzaga, Amy Winehouse e Bob Marley.

 

Durante o período do concurso, estudantes do Rio e dos 17 outros municípios da área de cobertura da Globo – que vai de Mangaratiba à Tanguá – enviaram vídeos cantando e tocando uma música autoral de no máximo um minuto e meio de duração. Todas as inscrições foram oriundas de alunos matriculados na rede pública de ensino.

O concurso cultural “Vou tocar no Estação Rio”  foi criado com o intuito de fomentar a cultura, dar visibilidade a novos talentos e promover o encontro entre jovens artistas e músicos já consagrados.  

Serviço:

‘Vou tocar no Estação Rio’
Data: 2 de Agosto, domingo
Local: Circo Voador
Endereço: Rua dos Arcos, s/n – Lapa
Abertura dos portões: 17h
Entrada gratuita
Lotação limitada
Classificação 14 anos 

Estação Rio: 
O Estação Rio, realizado pela Globo com  patrocínio da Coca-Cola, TIM e apoio do Multi Market, tem como objetivo criar oportunidades de convivência comunitária e de valorização das tradições culturais para a população. 

Entre as 27 atrações da primeira temporada, o público conferiu apresentações de artistas como Naldo, Belo, Péricles, Raça Negra, Monobloco, Cidade Negra e Diante do Trono, que totalizaram 40 horas de música. Com dez apresentadores, o projeto percorreu quatro municípios (Duque de Caxias, Mesquita, Japeri e Nilópolis), quatro comunidades (Complexo do Alemão, Manguinhos, Complexo do Caju e Cidade de Deus), um bairro (Anchieta) e um parque (Quinta da Boa Vista).

Já a segunda temporada do Estação Rio levou ao palco Thiago Martins, NXZero, Cristiano Araújo, MC Koringa, Forfun, Natirus, Lucas Morato, Thiaguinho, Preta Gil, Molejo, Swing & Simpatia, Revelação, Bangalafumenga, Lenine, Imaginasamba, Grande Rio, Bonde das Maravilhas, Art Popular, Sorriso Maroto, Padre Omar e Daniel. As atrações animaram o público de cinco municípios (Tanguá, Mangaratiba, Duque de Caxias – sede do Réveillon da Baixada 2015 – Guapimirim e Niterói), duas comunidades (Macacos/Antigo Zoológico e Vila Kennedy) e três bairros (Ilha do Governador, Bangu e Campinho).

Nesta edição, o público conferiu shows de Anitta e Nando Reis, em Queimados, e de Latino e Olodum, no Piscinão de São Gonçalo. A próxima edição do projeto será no dia 29 de agosto, em Beford Roxo, com Ludmila e Tá na Mente.

DEIXE UM COMENTÁRIO