Banda As Bahias e A Cozinha Mineira apresenta o show “Mulher” no Sesc Copacabana

No repertório, grupo traz canções que refletem sobre a condição das mulheres na sociedade – em especial negras, pobres, indígenas e transexuais

A banda paulista As Bahias e a Cozinha Mineira apresenta, nos dias 6 e 7 de setembro, às 20h30, no Sesc Copacabana, o show “Mulher”, com repertório do disco homônimo lançado no fim do ano passado. O coletivo, liderado pelas cantoras e compositoras transexuais Assucena e Raquel Virgínia e pelo guitarrista e arranjador Rafael Acerbi, traz em seu repertório a reflexão sobre a condição das mulheres na sociedade – em especial negras, pobres, indígenas e transexuais. Os ingressos custam entre R$ 5 (associados Sesc) e R$ 20.

O show combina música com atuação cênica e reflete as afinidades artísticas entre Assucena, Rafael e Raquel, que se conheceram na faculdade de História da USP no ano de 2011. O nome da formação se deve à coincidência de as duas cantoras terem o mesmo apelido, “Bahia”, somado à procedência do mineiro Rafael, que formaria a “cozinha” sonora da banda.

Quem for ao show verá o resultado de um trabalho iniciado em 2012. São músicas autorais em arranjos ampliados, como “Lavadeira água”, “Reticências”, “Mãe Menininha do Gantois” e “Fumaça”, e ainda releituras de canções que são influência para a banda. Entre elas, “A Preta do Acarajé”, de Dorival Caymmi, “Vaca Profana” e “Mamãe Coragem”, de Caetano Veloso, e “Fé Cega, Faca Amolada”, de Milton Nascimento e Ronaldo Bastos.

No palco, o trio é acompanhado por Rob Ashtoffen (baixo), Carlos Eduardo Samuel (teclado), Vitor Coimbra (bateria) e Danilo Moura (percussão).

SERVIÇO

As Bahias e a Cozinha Mineira
Sesc Copacabana: Rua Domingos Ferreira 160, Copacabana – Rio de Janeiro
Dias 6 e 7 de setembro – 20h30
Ingressos: R$20 (inteira), R$10 (meia-entrada), R$5 (associados Sesc)
Telefone: (21) 2547-0156
Classificação indicativa: 16 anos

DEIXE UM COMENTÁRIO