Balinha, o mais doce espetáculo da Terra!

Finalista do Primeiro Concurso Nacional Infanto-juvenil de dramaturgia do CEPETIN, é uma peça escrita e dirigida por Ana Paula Lopes. A história acontece na pacata cidade de Bororó, onde vivem os irmãos Balinha e Ed. Balinha é uma doceira de mão cheia e Ed, um cientista muito divertido, que trabalha na criação da máquina do tempo. A trama se desenrola com a chegada de Polichinelo, melhor amigo de infância dos dois irmãos. A partir de então, prepare-se para fortes emoções, pois tudo pode acontecer! A encenação de “Balinha, o mais doce espetáculo da Terra!”, recheada de elementos clássicos da dramaturgia infanto-juvenil universal, por meio do olhar lúdico, da brincadeira, com muita música, alegria e poesia, faz uma exaltação à vida e à alegria de viver, divertindo o público e despertando a criança que vive em cada adulto.
 
Texto, direção, iluminação e figurino: Ana Paula Lopes. 
Elenco: Balinha – Isis Pessino; Polichinelo – Pedro Gomes; Ed – André Luiz Pereira; Liza – Vivian Vecchi; Perfídia – Gabriella Santos/Luisa Frickes; Asparguita/Garçom – Beatriz Martins; e Polauto – Peder Salles.
Músicas: Pedro Gomes
Músico: Ricardo de Almeida
Produção: Ana Paula Lopes, Bruno Ganem, Carolina Mendes e Paloma Carvalho
Programação visual: Paloma Carvalho
 
Centro Cultural Municipal do Parque das Ruínas – Rua Murtinho Nobre 169, Santa Teresa – 2215-0621.
Estreia: dia 10 de julho
Temporada: 10, 17, 24 e 31 de julho.
Domingos às 11h
Valor: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)
Duração: 70 minutos
Classificação: Livre

DEIXE UM COMENTÁRIO