“33 Variações” inaugura o Teatro Nathalia Timberg na Barra da Tijuca

Wolf Maya retorna aos palcos teatrais dia 22 de janeiro como ator e diretor ao lado de Nathalia Timberg.

Foto: Guga Melgar
Foto: Guga Melgar

Nathalia Timberg e Wolf Maya sobem ao palco juntos para inaugurar o teatro Nathalia Timberg com a peça “33 variações”, dia 22 de janeiro às 21h. Idealizado e construído pelo ator e diretor, Wolf quis homenagear a amiga e parceira Nathalia com o nome do teatro que conta com duas salas: a sala principal com 400 lugares e a sala Nathalinha de 60 lugares.Situado no interior do Centro Comercial Freeway Center, na Avenida das Américas, 2000, o empreendimento foi projetado pela arquiteta Teresa Younes.

Considerado um dos mais importantes textos da dramaturgia mundial, escrito pelo venezuelano Moisés Kaufman, a montagem fez sucesso na Broadway e marcou a despedida de Jane Fonda há oito anos, em Nova York.

Além de atuar, Wolf assina a direção do musical erudito que conta como aconteceu a criação das 33 Variações, considerada uma obra prima de Beethoven.  A peça conta a história de um compositor medíocre do século XIX que escreveu uma valsa e a entregou para alguns artistas fazerem variações dela. O único que não aceitou foi Beethoven, mas não se entende por que ele acabou dizendo para ninguém mais trabalhar a valsa, se ele próprio o faria. Foi então que surgiram as 33 variações da composição, por Beethoven. A história da peça é justamente sobre o que o levou a transformar uma valsa medíocre em algo tão genial.

Nathalia Timberg interpreta uma musicóloga que tenta descobrir a verdade por trás das 33 variações sobre uma valsa composta por Beethoven quando ele começou a ficar surdo.

Tadeu Aguiar também compõe o elenco interpretando Anton Diabelli que é o compositor da valsa. Lu Grimaldi, Flávia Pucci, Gil Coelho e Gustavo Engracia completam o elenco. 10 atores – estudantes de arte dramática da Escola Wolf Maya também estão no musical.

Entre 1819 e 1823, Beethoven transformou uma valsa do obscuro compositor austríaco Anton Diabelli no que viria a ser considerada uma síntese de sua obra e uma das mais notáveis peças para piano da música ocidental – as 33 variações em sol maior, opus 120. Ela se distingue pela proeza de seu autor, já surdo àquela altura, de trabalhar apenas com um punhado de notas para construir um conjunto de tamanha diversidade.

“Eu comprei os direitos da peça, Nathalia traduziu e estamos trabalhando juntos, mas devagar. É um teatro que eu construí dedicado a ela, que foi minha grande musa e tem sido minha parceira no teatro há anos. Estarei com ela em cena estreando nosso teatro.” – Wolf Maya

SINOPSE
Musical erudito examina o processo criativo por trás das Variações Diabelli de Beethoven e por que ele foi obrigado a escrever 33 variações distintas sobre um tema simples, porém considerado uma obra prima de Beethoven.

SERVIÇO

33 Variações
Local: Teatro Nathalia Timberg
Endereço: Avenida das Américas, 2000 – Freeway – Barra da Tijuca – Telefone: 3388 5864
Estreia: 22 de janeiro
Gênero: Musical Erudito
Temporada: De 22 de janeiro até 17 de abril
Horários: Sextas e Sábados, 21h30 – Domingos, 19h
Duração: 120 min.
Classificação: 14 anos
Preço: R$ 100,00 (Plateia) – R$ 60,00 (Balcão)
Capacidade: 400 lugares
Funcionamento da Bilheteria: De terça a domingo das 13h até às 21h
Vendas: www.ingressorapido.com.br

FICHA TECNICA
Texto: Moyses Kaufman
Tradução: Nathalia Timberg
Concepção e direção: Wolf Maya
Elenco: Nathalia Timberg, Wolf Maya, Tadeu Aguiar, Lu Grimaldi, Flávia Pucci, Gil Coelho e  Gustavo Engracia
Pianista Convidada: Clara Sverner
Pianista: Silas Barbosa
Iluminação: Aurelio De Simoni
Figurinos: Tatiana Rodrigues
Visagismo: Marcelo Dias
Direção de produção: José Luiz Coutinho
Assistente de figurinos: Karina Cuellar
Contrarregra: Lenilson Souza
Costureiras: Maria Marli Aragão e Rosângela Santos
Alfaiates: Walmir Ferreira e Alex Leal

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui